Dominó Mitótico Por: Diego Dayvison Dias

O Ensino de Genética é um dos mais desafiadores para os professores em sala de aula. Muitos professores relatam que tem grande dificuldade em abordar esse tema em sala de aula, por considerarem a Genética complexa e com muitos conceitos de difícil compreensão. Pensando nisso, os jogos e práticas tornam-se um importante recurso didático que auxilia tanto os professores e os alunos. Os alunos vem no lúdico uma forma mais suave e divertida de estudar. Dessa forma, decidimos usar o dominó como recurso didático! Este popular jogo é uma forma simples de estudar Biologia brincando. Com conceitos definidos e ilustrados com figuras didáticas impressas em papel, este dominó auxilia os alunos do Ensino Médio a entender melhor quais são as fases mitose. É muito importante que o jogo seja aplicado, necessariamente, após o conteúdo já ter sido ministrado. O jogo estimula a competitividade saudável entre os alunos e ajuda no desenvolvimento do raciocínio e a fixação da matéria dada. Apesar de termos desenvolvido este jogo para o ensino da Mitose, este jogo pode ser adaptado para qualquer conteúdo de Biologia. Basta o professor manter a lógica das peças e colocar sempre uma figura e um conceito!

*Jogo de autoria dos alunos do curso de Ciências Biológicas Noturno da UFMG (Ana Laura Lamounier, Danilo Vieira, Diego D. Dias, Dominique Ohasi e Rafaela Faria). Elaborado durante a disciplina "Laboratório de Ensino em Genética" sob orientação da professora Adlane Vilas Boas

Materiais Necessários

  • - Ficha impressa contendo as cartas do dominó
  • - Tesoura
  • - 1 dado

Fase 1 -

Em anexo, cartas para impressão, no link

pontociencia.org.br/pdf/Cartas_domino_mitose.pdf

Após imprimir e recortar as cartas do dominó, a turma deverá ser separada em grupos contendo 5 alunos. Cada jogador recebe 6 peças quando começa a rodada. Se na partida houver menos de 5 jogadores, as peças restantes ficam no dorme para serem compradas. O jogo começa pelo jogador que tirar o maior número no dado e a partir desse momento, os jogadores realizam suas jogadas por turnos e no sentido anti-horário.

Fase 2 -

Cada jogador, no seu turno, deve colocar uma das suas peças em uma das 2 extremidades abertas, de forma que os pontos de um dos lados coincida com os pontos da extremidade onde está sendo colocada. Lembrando que deve-se ligar sempre uma figura ao seu respectivo conceito. Quando o jogador coloca sua pedra sobre a mesa, seu turno se acaba e passa-se ao seguinte jogador. Se um jogador não puder jogar, deverá “comprar” do dorme tantas pedras quanto forem necessárias. Se não houver pedras no dorme, passará o turno ao seguinte jogador. Abaixo um exemplo mostrando como as peças são unidas. A partida continua com os jogadores colocando suas pedras sobre a mesa até que um jogador coloque sua última pedra na mesa, esse aluno, então, é o vencedor.

Comentários - 0 Comentários

Você precisa estar logado para comentar.